Dra. Gabrielli Tigre - Ginecologia Minimamente Invasiva 

ENDOMETRIOSE


Origem
Endometriose é a migração células da camada interna do útero (endométrio) para fora da cavidade uterina. Existem diversas teorias para tentar explicar a origem da endometriose, mas ela ainda é desconhecida. Até o momento, acredita-se que essas células endometriais saem do útero através das trompas durante a menstruação e invadem os órgãos, principalmente da pelve. Por meio de mutações não conhecidas essas células são resistentes ao sistema imunológico e com o passar do tempo, por estímulo hormonal, há o desenvolvimento de focos de endometriose em ovários, trompas, útero, intestino, bexiga e até em outros órgãos mais distantes como diafragma e pulmão (raro).

Sintomas
Cólicas menstruais
Dor pélvica crônica  (> 6 meses)
Dor na relação sexual
Alterações intestinais e urinárias
Dificuldade para engravidar
Fadiga

Diagnóstico
A história clínica detalhada e o exame físico são os principais pilares do diagnóstico. O ultrassom transvaginal e a ressonância magnética com preparo intestinal podem auxiliar no diagnóstico quando realizados por profissionais especializados na pesquisa de endometriose profunda. Importante lembrar que caso os exames de imagem não confirmarem o diagnóstico a suspeita clínica não deve ser descartada e o tratamento clínico deve ser iniciado quando indicado.

Tratamento
Clínico
Cirúrgico
Fisioterapia
Dieta
Atividade Física

O tratamento é multimodal e inicialmente clínico com uso de métodos hormonais. A indicação cirúrgica é individualizada e restrita a casos específicos com preferência pela via laparoscópica. Para ambos os casos a equipe multidisciplinar é indispensável com foco nas expectativas da paciente.

 

Conheça um pouco mais sobre cada tema no blog e marque uma consulta:

 

 (71) 98200-5524

Histerectomia.jpg